DROPZ| RESENHA

by - março 13, 2018

SINOPSE: A crônica, produzida dentro de um contexto, tem o poder da representatividade de uma sociedade, seus costumes e hábitos, deste modo, para Z Carota, os assuntos rotineiros,
como as conversas de botequins, as fofocas, e a simplicidade de protagonistas demasiadamente comuns ganham destaque e servem como epicentro de sua escrita.
A familiaridade trazida pelo gênero da crônica justifica-se pela intimidade criada com a vida da massa, não superficialmente, mas sim, evidenciando os gostos da população para que desta forma, sua escrita possa efetivamente relatar o cotidiano vivenciado por tantos.
Partindo do ponto de vista de um narrador-cronista, o escritor põe-se através dos olhares de simples personagens, como uma passadeira ou amigos em um bar a falar sobre as fofocas e banalidades do dia a dia, a agilidade e desenvoltura de uma flanelinha, em seu trabalho, dentro tantos outros. 
Torna-se fácil reconhecer-se entre as linhas de escrita de “Dropz”, pois os personagens encarnam estereótipos humanos comuns do dia a dia. Os relatos são gravações em papel das atividades movimentadas do cotidiano, sendo que neste sentido as vivências humanas tornam-se homogêneas através do compartilhamento de experiências similares, à medida que todos os seres envolvem-se na mesma teia da convivência humana.



Ooi gente, vou logo dizendo que se você curte crônicas, esse é o livro bem mais que perfeito pra você.
Dropz, é um livro fofo e o tempo todo muito interativo.
Nunca pude ter contato com um sumário tão bonitinho, achei tão meigo.

Vem quatro tópicos, dropz de hortelã, dropz de tutti-frutti, pastilhas e tostões. A cada tópico é abordado um assunto diferente.
É difícil escolher uma parte preferida nesse livro, mas a que mais gostei e li com mais rapidez, foi "pastilhas", queria até que o livro demorasse muito para acabar, de tão boa que ficou a coisa. Kk
Em "pastilhas", além de ler muitas crônicas, me diverti e me identifiquei o tempo inteiro.


Os contos são bem presos aos contidianos das pessoas e parando pra pensar, parece que é a história do pessoal que mora no seu bairro que está sendo contada, compreendem??
Juro que não tenho maturidade para as fofurices apresentadas. Kk
A forma descrita é tão prazerosa, parecia até mesmo que eu estava vivendo tudo aquilo enquanto lia.

Então é isso gente, comprem sem medo, indiquem sem medo. Desfrutem dessa maravilha, pois ele é realmente muuuuito incrível!
Ah, uma observação, se você não gosta de crônicas, dê uma chance, eu não curto tanto e me aventurei, foi uma aventura e taaaanto, pois agora quero ler muuuuitas outras!
Até a próxima!!




Título: DROPZ
Autor(a): Z CAROTA 
Onde comprei: Recebi da editora, para adquirir CLIQUE AQUI
Preço: R$40.00
Editora:Editora Penalux
Páginas: 224

You May Also Like

25 comentários

  1. Nunca li esse livro de crônicas, também não conheço o autor, achei interessante o nome dos quatro tópicos.

    ResponderExcluir
  2. Achei super interessante não conhecia e agora quero muito ler amei .

    ResponderExcluir
  3. Sou apaixonada por contos e crônicas.
    De fato não conhecia o autor até conferir essa resenha.
    Me interessei bastante e já quero ler também q nao sou boba kkkk bjos

    ResponderExcluir
  4. Tá bom eu vou dar uma chance as crônicas só por causa dessa resenha, não gosto mas vou dar uma chance não vou perder nada não é mesmo? Parabéns pela resenha e faça mais. Amei seu blog.

    ResponderExcluir
  5. Nunca li esse livro e por adorar contos curtinhos, me interessei bastante! Estou curiosa com as histórias dele ��

    ResponderExcluir
  6. Nunca li contos , mas me interessei por esse , você falando pareceu ser bem legal .

    ResponderExcluir
  7. acredita que nunca lí crônicas? Juro!!! Mais essa me pareceu ser muito legal. rsrs

    ResponderExcluir
  8. Sério adorei a resenha do q nunca li esse livro parece se tão legal amei😍.fiquei curiosas só a capa chama atenção

    ResponderExcluir
  9. Comprei, li, recomendo, leitura DELICIOSA! Conseguir sorrir de forma cúmplice ,ATENTAR para a beleza do comum e diário,com esse olhar astuto e sensível do autor, e nesses tempos sombrios, é uma verdadeira delícia doce!

    ResponderExcluir
  10. Li o texto e pensei, nao gosto de cronica, nao gosto de cronica, nao gosto de crônica ai termino o post lendo sua mensagem pra darmos uma chance a crônica e terminei de ler concordando com vc!! Precisamos dar uma chance pra tudo nessa vida, inclusive para as crônicas! bjs

    ResponderExcluir
  11. Ahh é bom quando nos identificamos com alguma parte de um livro (e de preferência o livro todo). Não conhecia e amei saber um pouco mais pela sua resenha ♥

    ResponderExcluir
  12. Oi =)
    Eu até que gosto de crônicas, não sou muito de lê-las, mas até gosto.
    Não tinha ouvido falar sobre o livro, mas vou dar uma pesquisada sobre ele.

    ❤❤
    Beijos de Luz,
    Marina | www.meudoceapartamento.com

    ResponderExcluir
  13. Nunca li livros de crônicas, confesso que não sou de ler livros (é a pura verdade rs)
    Porém, amei saber um pouco pela sua resenha, parece ser ótimo esse livro hein?
    Vou até dar uma pesquisada sobre ele melhor e, irei comprar, pois fiquei curiosa.

    Obrigada por compartilhar conosco, bjs

    https://holanda-physicaleducation.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Também não curto muito cronicas, mas pelo que você falou eu fiquei interessada nesse livro.
    parece ser muito bom

    beijos
    maisumbeijo.com

    ResponderExcluir
  15. boa noite
    como vai? Confesso que ainda nao conhecia esse livro
    mas eu gostei bastante da sua resenha e idicação

    ResponderExcluir
  16. Gostei. Eu adoro crônicas e sua descrição me cativou. Vou add na lista.

    ResponderExcluir
  17. Achei super interessante a resenha e sem dúvida deixou um gosto de quero ler esse livro, gosto de crônicas e também gosto de contos , vou anotar a sua dica .😘

    ResponderExcluir
  18. Amo leitura, mas confesso que não me recordo se já fiz uma leitura de crônica. Você fez uma ótima resenha rápida sobre o livro. Bjos

    ResponderExcluir
  19. A leitura tem a capacidade de nos levar para onde quizermos.fiquei bem interessado nesse livro.

    ResponderExcluir
  20. Gosto bastante de livros nesse estilo (crônicas), mas esse eu não conhecia. Me interessei nele

    ResponderExcluir
  21. Acho esse gênero bem interessante, agora fiquei com vontade de ler a obra completa.
    Beijos
    www.blogjulysgarioni.com

    ResponderExcluir
  22. Não conhecia ainda, mas fiquei curiosa... Gosto de me aventurar em livros com crônicas, a leitura parece que corre mais rápido dependendo do tema. <3

    ResponderExcluir
  23. Não costumo ler crônicas, então eu não conhecia esse livro, mas pela sua resenha achei esse uma boa opção para começar a ler crônicas

    ResponderExcluir
  24. nunca li muitas cronicas mais pelo que percebi na sua resenha é uma boa indicaçao para quer curti esse estilos de leitura

    ResponderExcluir
  25. Muito bom, muitos livros falam sobre fantasia, histórias de imaginação, essa parece ser bem realista. bem bacana

    ResponderExcluir